Liberdade religiosa
 
 
Podemos dizer que este direito está na base de todos. Nele está contida a liberdade de  consciência e de pensamento.
A Igreja não defende apenas a liberdade para os cristãos, mas também para todas as confissões religiosas. Todavia os cristãos são os mais perseguidos um pouco por todos o mundo. A razão mais profunda tem a sua raiz na pessoa de Jesus Cristo. Assim como foi perseguido até à pena capital no seu tempo, continua a sê-lo em todos os tempos. Uma vez que os algozes não o podem perseguir a  Ele, perseguem-na pessoa dos seus discípulos.
“A ONG ‘Portas Abertas’ publicou um relatório no qual indica que 4.300 cristãos foram mortos em 2018 por causa da sua fé, com a Nigéria a ser o país com mais assassinatos”.