A Igreja está ferida

Não podemos confundir o otimismo com a esperança. A esperança é uma virtude teologal, inseparável da fé e da caridade. A esperança pode gerar otimismo sadio, mas pode também gerar indevidamente um aparente e superficial otimismo que inventamos para ignorar a realidade.
E o pior é que está ferida no coração. O coração é da Igreja é  a Eucaristia e a Eucaristia é o coração de Cristo.”
Há demasiadas divisões na celebração eucarística. Além disso, está banalizada e frequentemente comercializada. 
“A regulamentação da sagrada Liturgia compete unicamente à autoridade da Igreja, a qual reside na Sé Apostólica e, segundo as normas do direito, no Bispo. Em virtude do poder concedido pelo direito, a regulamentação em matéria litúrgica, dentro dos limites estabelecidos, pertence também às competentes assembleias episcopais territoriais de vário género, legitimamente constituídas.
 Por isso, absolutamente mais ninguém, ainda que seja sacerdote, acrescente, suprima ou modifique, por sua iniciativa, seja o que for na Liturgia". (Constituição sobre a Sagra Liturgia, Vaticano II)